segunda-feira, 18 de julho de 2011

Diferença entre animais Venenosos e Peçonhentos!!!!

Muita gente tem duvidas sobre a diferença entre animais venenosos e peçonhentos!!
Existe uma pequena, porém importantíssima, diferença entre animais venenosos e peçonhentos. Nem todo animal peçonhento é venenoso, porém os venenosos não são peçonhentos. Vamos entender por quê?
Animais Peçonhentos são aqueles que possuem glândulas de veneno que se comunicam com dentes, ou ferrões, ou aguilhões, por onde o veneno passa ativamente, ou seja, possuem um mecanismo qualquer que os permite injetar seu veneno no organismo de outro animal. Exemplos: algumas serpentes que possuem os dentes ocos ligados a glândulas de veneno e estes são usados para inocular veneno (ou peçonha) que algumas vezes podem até matar; escorpiões que injetam o veneno produzido na glândula de do aguilhão; as abelhas que usam o ferrão para picar e injetar o veneno no “inimigo” e por aí vão mais exemplos como aranhas, arraias, etc.
Animais Venenosos são aqueles que produzem as substâncias tóxicas (veneno), mas não possuem um aparelho inoculador (dentes, ferrões, aguilhões, esporões), e por isso, dependem da situação para usá-las. O envenenamento pode ser passivo por contato como a lagarta taturana que possui pêlos por onde secretam veneno com um simples contato; pode ser também por compressão, como o sapo que necessita de apertar as glândulas localizadas no dorso perto da cabeça ou por ingestão como o peixe baiacu que possui toxinas em vários tecidos do corpo como fígado, brânquias, intestinos e podem causar envenenamento caso seja ingerido.
No caso dos sapos, vale à pena lembrar que aquele líquido que ele esguicha numa situação de perigo e stress não é veneno. O que ele faz é  esvaziar a bexiga sobre o agressor na intenção de assustá-lo, mas a urina não é tóxica. Os sapos não liberam veneno a menos que este seja pressionado. Mas ele é esperto: quando está em perigo, infla os pulmões e isso faz com que as glândulas de veneno fiquem mais expostas, com isso, caso um predador encoste, o veneno será liberado! Nossa!!! A natureza é muito sábia mesmo viu!!!
Ahhh e em casos de acidentes:
Atenção!
Em caso de acidente com animal peçonhento, procure o pronto-socorro mais próximo ou ligue para o serviço de emergência (SAMU 192 ou Bombeiros 193)

Primeiros Socorros
Considere todas as mordidas de cobras como sendo de cobras venosas.
Manter a vítima calma e deitada.
Localizar a marca da mordedura e limpar o local com água e sabão. Cobrir com um pano limpo.
Remover anéis, pulseiras e outros objetos que possam garrotear, em caso de inchaço do membro afetado.
Evitar que a vítima se movimente para não favorecer a absorção do veneno.
Tentar manter a área afetada no mesmo nível do coração ou, se possível, abaixo dele.
Levar a vítima imediatamente ao serviço de saúde mais próximo, para receber o soro antiofídico.
Se possível, levar o animal para que seja identificado e para que a vítima receba o soro específico. Não se arrisque ou perca tempo caçando o animal.

O que não fazer!!!
Não fazer torniquete, impedindo a circulação do sangue: isso pode causar gangrena ou necrose local. 
Não cortar o local da ferida, para fazer 'sangria'. 
Não aplicar folhas, pó de café ou terra sobre a ferida, poderá provocar infecção.

    14 comentários:

    1. Foi esclarecedor o post sobre o assunto, principalmente sobre a diferença entre os nomes, pensava que representavam o mesmo animal. Nesse caso, indicar os primeiros socorros adequados também é muito importante porque tem muita gente que ainda usa os procedimentos da "ciência popular" que nem sempre são eficientes.

      ResponderExcluir
    2. Francisco Vieira da Cunha21 de julho de 2011 10:12

      Amanda, sem perceber eu postei o comentário de 21 de julho de 2011 09:58 sobre animais peçonhentos como anônimo. Desculpe.
      Francisco Vieira.

      ResponderExcluir
    3. Que bom que foi esclarecedor pra você!!!
      ahh e não tem problema do comentário ser anônimo não ok!! bjs e obrigada!!!

      ResponderExcluir
    4. Eu pensava que era tudo a mesma coisa.

      E pensava também q quando a pessoa era picada por cobra tinha que cortar a área da mordida, ou fazer torniquete sei lá. Agora sei que não.
      Parabéns pela postagem, como sempre interessante.

      ResponderExcluir
    5. Eu já sabia disso... pois assisti suas aulas e lembro q vc comentou sobre como agir em casos de acidentes c/ animais venenosos e peçonhentos, hahaha.. só n lembrava da diferença entre eles!
      Beijão pra vc!

      ResponderExcluir
    6. Ei, esse post foi ótimo. Atualiza o blog menina. Bjo.

      ResponderExcluir
    7. To na 6ª série (7º ano) e precisava disso para uma prova, pesquisei em tudo, mas a única resposta que consegui interpretar melhor foi a sua, parabéns pelo blog mt bomm.
      Acc n tá entrando, Beatrice Fags.

      ResponderExcluir
    8. Atualiza o blog :/.
      Beatrice Fags.

      ResponderExcluir
    9. Gostei também e com certeza irei usar em minhas aulas.

      ResponderExcluir
    10. me ajudou muito para minha prova obg

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. é tbm me ajudou para o trabalho

        Excluir
    11. me ajudou muito em um trabalho !

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. tambem me ajudou amigo ! tirei 10 aihn como eu sou inteligente aff´s

        Excluir